O seu navegador é demasiado antigo. Algumas funcionalidades poderão não funcionar.

Por favor faça download de um navegador mais recente aqui. Obrigado!

Luísa Santos10 Set 2021

fitness

musculação

Não gostas de ginásios? Espreita estas alternativas

Alternativas ao ar livre e não só.

Fazer exercício físico é importante e ajuda a manter um estilo de vida saudável. É, por isso, muito importante que te mantenhas tão ativo quanto possas e, se o ginásio não é uma opção para ti, fica a conhecer outras alternativas tão ou mais eficazes para alcançares o teu objetivo.

As melhores alternativas ao ginásio

Tudo depende da pessoa, do seu gosto, dos seus hábitos... Isto porque, de facto, nem todas as pessoas se adaptam aos ginásios. Os primeiros tempos podem, até, ser divertidos e capazes de manter uma pessoa motivada - mas nem sempre essa é uma sensação que perdura.

Se este é o teu caso, não desesperes, porque hoje em dia existem mais alternativas que te ajudam, ainda assim, a manter a boa forma física. Fica a conhecer as nossas sugestões outdoor e indoor.

CrossFit
O CrossFit é uma modalidade relativamente recente no nosso país e são muitas as pessoas que desistem dos ginásios e que encontram a motivação que faltava no CrossFit. Esta é uma das alternativas mais próximas ao ginásio, sobretudo para quem não descura da componente de musculação .

As aulas de CrossFit funcionam, regra geral, em grandes armazéns que são adaptados às especificidades da modalidade, muito procurada pela variedade de exercícios que tem e por nunca existir uma aula idêntica à anterior. Geralmente, cada aula divide-se em três partes: 

  • Warm-up: é a parte de aquecimento, onde preparas os grupos musculares para os exercícios que vais fazer durante a aula;
  • S.S. (Starting Strength): esta é a parte mais focada na força que, por sua vez, vai preparar ainda mais os músculos para o que acontece no final da aula;
  • WOD (Workout of the Day): é o desafio do dia, a parte que finaliza a aula e, também, aquela que é mais exigente. Geralmente, dura entre 8 a 20 minutos, podendo demorar mais em casos onde o desafio seja mais longo.

Corrida
Correr é um dos melhores exercícios que pode existir, sobretudo ao nível cardiovascular. É o aliado perfeito para quem quer perder peso e precisa de uma motivação extra. É verdade que podes correr na passadeira de um ginásio, mas incentivamos-te a correr ao ar livre neste caso.

E porque a tecnologia nos facilita muito a vida, podes sempre pedir uma ajuda extra às apps móveis que hoje em dia existem, que funcionam como um personal trainer ao teu ouvido. Duas das aplicações mais utilizadas para o efeito são a Runtastic e a Strava.

Boxe
Quem diz Boxe, diz Kickboxing ou Muay Thay. Cada um com as suas especificidades, claro está, mas qualquer desporto de combate é ótimo para manter uma boa rotina de exercício. O importante é escolher uma modalidade que te desafie e com a qual te identifiques. Hoje em dia, são vários os locais, como por exemplo o 1Fight, onde podes praticar este género de modalidades, também elas ótimas para alcançar qualquer objetivo.

desporto-de-combate.jpg


Surf ou Bodyboard
Passamos da terra para o mar, mais propriamente para um desporto que implica muito mais esforço do que qualquer pessoa possa pensar. Praticar surf ou bodyboard é extremamente exigente, não só porque se lida com a força do mar, como também com a coordenação e força do próprio corpo.

São desportos que devem ser acompanhados numa primeira fase, pelo que não te aconselhamos a que te lances sozinho ao desconhecido. Podes (e deves) ter algumas aulas em escolas de surf numa primeira fase (que, para além de bodyboard, também lecionam outras modalidades), antes de teres total confiança no desporto que estás a praticar.

Natação
Temos a certeza que sempre ouviste que a natação é um ótimo desporto para todo o corpo e não só para determinada parte do mesmo - até mesmo para melhorar a capacidade respiratória. A verdade é que não podíamos concordar mais com essa afirmação, porque todos os elementos do corpo humano são precisos para praticar natação.

Começa devagar e desafia-te à medida que fores ganhando confiança em determinado estilo. Podes começar em crawl e acabar em bruços. Tudo depende daquilo que, no fundo, te apetecer praticar no momento, até porque qualquer estilo será bom para o teu treino.

Dança
Outra das melhores alternativas ao ginásio é dançar, seja que tipo de dança for. Géneros que aliam a componente fitnessfitness a outras, como a Zumba por exemplo, são excelentes para a manutenção de um estilo de vida saudável e, até, para a perda de peso.

Hoje em dia, já não precisas de te inscrever num ginásio para poderes ter aulas de dança, isto porque existem vários estúdios e escolas que o fazem de forma independente. Podes aprender hip-hop, danças contemporâneas, danças de salão, entre tantas outras.

Ténis
Ou Padel, ou Squash. Como preferires. Os desportos "de raquete" são muito desafiantes e exigem muito de quem os pratica. Neles, consegues aliar diferentes componentes, como a coordenação, a rapidez, os reflexos e até a força.

Treinar em casa
Sabemos que, a longo prazo, pode ser difícil continuares a sentir-te motivado enquanto treinas em casa, mas nada é impossível - sobretudo nos dias de hoje, quando existem aplicações móveis que se dedicam ao desenho de programas de treino direcionados ao objetivo de cada um.

Para além dessas apps, também existem vídeos de treino no YouTube, por exemplo, onde encontras exercícios para todos os níveis (iniciante ou experiente), lecionados muitas vezes por profissionais da área que te vão motivando ao longo do treino.
Categorias Relacionadas
sobre o autor
Luísa Santos
Content Writer

A paixão pelas palavras acompanha-a desde sempre e a curiosidade por aquilo que não sabe leva-a a verbalizar todas as...

ver perfil
62
Publicações
Experiência relacionadas