Luísa Santos28 Jan 2020

Imagiologia: o que é e para que serve

Sabe tudo sobre esta especialidade.

É através da obtenção de imagens, por intermédio dos mais variados exames, que a imagiologia é capaz de detectar problemas no corpo humano ao nível dos diferentes órgãos e sistemas.

Para isso, faz-se valer de diferentes tipos de exames que, idealmente, conduzem a diagnósticos sustentados para cada paciente. Aquilo que distingue esta especialidade de outras é a sua capacidade de abranger e ajudar todas as outras especialidades médicas e cirúrgicas.

A Imagiologia Nos Centros De Saúde

A imagiologia analisa o corpo humano através de imagens que são, usualmente, obtidas por radiação, ultra-sons ou radiofrequência. A sua área de atuação é tão abrangente que engloba um sem número de exames capazes de detectar doenças que estejam, ainda, em fase embrionária. 

Dada a sua especificidade, nem todos os centros de saúde são capazes de oferecer, de imediato, exames do género, que podem, ou não, precisar de sedação. Ainda assim, esta é uma área mais comum do que pode parecer, veja-se pelos exames principais que são realizados no seu âmbito:

  • Radiografias: das simples às mais complexas;
  • Mamografia: estuda o tecido mamário e deteta possíveis nódulos; 
  • Densitometria Óssea: mede a densidade dos ossos de um paciente e é muito utilizada para prevenir fraturas;
  • Ecografia e Ecodoppler: é através de ultra-sons que se realiza este exame que, por sua vez, avalia as estruturas anatómicas do organismo. É muito utilizado para prevenir e/ou detetar anomalias no fígado ou vesícula, para além de também ser essencial na avaliação e acompanhamento de uma gravidez;
  • Angiografia: permite visualizar as artérias e é um exame necessário e recorrente em pacientes com doenças arteriais;
  • Tomografia computadorizada (TAC): muito utilizada em doenças de pulmão, coração, artérias, intestino e rins;
  • Ressonância Magnética: é através da utilização de campos magnéticos e ondas de rádio que as ressonâncias obtêm imagens de elevado detalhe;
  • Neuroradiologia: avalia o sistema nervoso central e foca-se na cabeça e pescoço de cada paciente. É também muito útil no diagnóstico/tratamento de problemas de oftalmologia;
  • Radiologia (Pediátrica, Músculoesquelética, Cardíaca, Oncológica, de Corpo e Vascular): engloba uma série de exames capazes de detetar problemas no nosso organismo.

exame.jpg


Para que serve a imagiologia

Por esta altura, já deves ter percebido que esta especialidade médica é, de facto, muito abrangente e que engloba exames que, certamente, são do teu conhecimento. Para além de detetar patologias em fases inicias, a imagiologia também tem uma componente altamente terapêutica, que possibilita o tratamento das mais variadas doenças.

A imagiologia tem duas componentes associadas: a de diagnóstico e a de tratamento (de dor, sobretudo). Recorrendo à análise dos órgãos e sistemas humanos, através da recolha de imagem, esta especialidade é capaz de identificar patologias que, sem a sua análise, passariam facilmente despercebidas.

A imagiologia é capaz de diagnosticar, de forma precoce, o cancro do pulmão, por exemplo. Contribui ativamente para o tratamento de dor, fazendo-se valer da captação de imagem para guiar a injeção de anestésicos ou anti-inflamatórios - situação na qual, a visualização e controlo através de imagem são fundamentais.

Esta especialidade médica permite, ainda, identificar e remover determinadas lesões (como quistos ou malformações) de forma teleguiada. A imagiologia também serve para auxiliar em casos de reprodução e fertilização onde seja necessária intervenção médica.

É igualmente essencial para levar a cabo outros exames, como é o caso das biópsias. Falamos, por isso, de uma área polivalente, utilizada de uma forma muito comum na maior parte dos hospitais e clínicas de saúde.

Onde fazer exames imagiológicos
O Serviço Nacional de Saúde prevê a realização de exames imagiológicos, mas a verdade é que a maior parte dos centros de saúde não dispõe dos equipamentos necessários à concretização dos mesmos.

Ainda assim, é possível a sua marcação e realização visto que as referidas Unidades têm acordos com outras instituições onde podem ser feitos os referidos exames.

A verdade é que, apesar de mais caros, esses exames podem ser facilmente encontrados em hospitais privados um pouco por todo o país (como é o caso da CUF, Trofa Saúde ou Hospital da Luz).

Os mesmos exames podem, também, ser feitos em hospitais públicos, que dispõem de médicos especializados na área e de equipamentos altamente avançados.

A imagiologia é, em poucas palavras, uma especialidade multidisciplinar que, através de diferentes ramos, é capaz de avaliar a imensidão do corpo humano, ao mesmo tempo que deteta possíveis anomalias. Contribui não só para esse diagnóstico como para a prevenção de outras patologias futuras, ajudando no tratamento das atuais.

Face à sua evolução e presença nas mais variadas clínicas e hospitais (tanto públicos como privados), o acesso às suas valências é, hoje em dia, mais fácil de encontrar. Falamos, contudo, de exames complexos, que devem ser devidamente prescritos por médicos e que não são, claro está, da escolha livre de cada paciente.

É, por isso, importante que exista um acompanhamento médico e o devido historial de determinada doença, para que o seu tratamento aconteça em conformidade.
Categorias Relacionadas
sobre o autor
Luísa Santos
Content Writer

A paixão pelas palavras acompanha-a desde sempre e a curiosidade por aquilo que não sabe leva-a a verbalizar todas as...

ver perfil
61
Publicações
Experiência relacionadas